ULTRASSONOGRAFIA DO ABDOMEN | Informações sobre o Exame

Por: Dr. Felipe Lobo | Texto Aprovado pelo Conselho Médico do MedFoco
Atualizado em 20/03/2015

publicidade

Ultrassonografia abdominal

Definição:

Uma ultrassonografia examina os órgãos internos usando ondas sonoras de alta freqüência. Por meio de uma ultrassonografia com doppler, o médico é capaz de ver o fluxo sangüíneo nos principais vasos.

Partes do corpo envolvidas:

Uma ultrassonografia abdominal pode examinar o seguinte:

– Fígado;
– Baço;
– Pâncreas;
– Vesícula biliar;
– Rins;
– Ovários e útero (incluindo útero gestante com feto em seu interior);
– Aorta e outras artérias abdominais (via ultra-som por doppler).

Quando realizar o procedimento?

O ultrassom é usado para localizar problemas dentro da cavidade abdominal. Ele pode mostrar órgãos e movimentos. Uma ultrassonografia é mais freqüentemente realizada pelos seguintes motivos:

– Diagnosticar um ferimento ou doença no fígado, na vesícula biliar, no baço, no pâncreas, nos rins ou outros órgãos dentro do abdome;
– Ajudar a determinar a causa da dor abdominal;
– Identificar pedras na vesícula biliar ou nos rins;
– Avaliar tumores, cistos, abscessos ou outras massas no abdome;
– Ajudar a determinar por que um órgão interno está aumentado;
– Examinar um útero gestante e o feto em seu interior;
– Avaliar a artéria aorta quanto à presença de um aneurisma;
– Avaliar o estreitamento das artérias do abdome;
– Avaliar um dano no baço;
– Avaliar doença do fígado ou pancreatite;
– Localizar um objeto estranho no abdome, como uma bala de revólver por exemplo.

Fatores de risco e complicações durante o procedimento

– A obesidade e a desidratação podem tornar mais difícil a identificação dos órgãos durante o exame;
– Gases intestinais podem bloquear a visualização dos órgãos internos;
– A presença de bário ou outros materiais de contraste no intestino (de outros tipos de radiografias ou exames) podem bloquear a visualização dos órgãos internos.

Antes do exame:

O seu médico provavelmente fará o seguinte:

– Exame físico;
– Ocasionalmente, outros exames como o exame de sangue.

Pergunte sobre quaisquer restrições alimentares. Pode ser solicitado um jejum de 8 a 12 horas antes do exame. Isso diminuirá a quantidade de gases nos intestinos. Para alguns tipos de ultrassonografia, é necessário que a bexiga esteja cheia. Será solicitado que você beba 6 ou mais copos de água e não urine antes do exame.

Durante o exame:

Será solicitado que você deite em uma mesa de exame em uma sala escurecida. A escuridão ajuda a ver as imagens na tela.

Anestesia:

Não é necessária anestesia para o procedimento.

Descrição do procedimento:

O técnico aplica um gel no abdome. Um transdutor é pressionado contra a pele. Trata-se de um dispositivo pequeno que transmite as imagens. O gel ajuda com que as ondas sonoras passem entre a pele e o transdutor.

Ondas sonoras de alta freqüência são enviadas em direção aos órgãos internos. Os órgãos refletem as ondas sonoras de volta para a pele. O transdutor as recebe e elas se tornam uma imagem visível na máquina.

As imagens são vistas conforme aparecem na tela da máquina. Uma foto ou um vídeo de imagens em movimento pode ser criado. Você pode ser solicitado a mudar de posição ou prender sua respiração durante o exame.

Após o exame:

Será retirado o gel do abdome.

Duração aproximada:

Em torno de 30 minutos.

Sentirei dor?

O exame não é doloroso. O gel pode parecer frio quando aplicado pela primeira vez. O transdutor pode criar uma sensação de pressão. A pressão com a bexiga cheia pode ser incômoda em certos momentos.

Possíveis complicações:

Geralmente não há complicações associadas a este procedimento.

Tempo médio de permanência no hospital:

Não é necessária a permanência no hospital para a realização do exame.

Cuidados pós-exame:

Retorne a suas atividades normais, a menos que seja orientado de forma diferente pelo seu médico.

Resultado Final:

As imagens são analisadas e interpretadas por especialistas. Um relatório será fornecido para seu médico. O médico poderá fazer recomendações sobre o tratamento com base nesse relatório.

Obs: Se seus sintomas piorarem procure seu médico.




publicidades

6 Comentários para o texto: “ULTRASSONOGRAFIA DO ABDOMEN | Informações sobre o Exame”

  1. marcia do amaral disse:

    vou fazer a ultrasonografia de abdonem total mas me pediram laxamte porque tem que tomar antesde fazer este exame se devo ou não tomar o laxamte me de uma resposta

  2. Mercia disse:

    Dr Felipe, bom dia! O ideal é que a bexiga esteja cheia, mas se ela tiver muito cheia pode haver alguma alteração no resultado?

  3. ESTEVES SILVA disse:

    O artigo Esclareceu todas as minhas duvidas, se tudo que eu procurasse na internet fosse tão bem explicado assim eu ficaria feliz. Valeu Doutor

  4. Adjan disse:

    Muito interessante e esclarecedor este artigos

  5. dulce disse:

    a resposta da minha pergunta foi muita satisfatória obrigada.

Deixe um Comentário


seis + nove =

Powered by WordPress | Designed by: Best SUV | Thanks to Toyota SUV, Ford SUV and Best Truck